Peppino Di Capri, o maior artista da música italiana cantando os clássicos que ultrapassam gerações

peppino-di-capri

São Paulo: dia 25 de outubro, sábado, 22h00, no Hsbc Brasil

Matéria e foto: Divulgação

“Peppino di Capri sempre foi inovador e moderno, um daqueles artistas que nascem lenda”

(Tg1)

“Uma geração inteira dançou e se apaixonou por seus hits. Ele é pioneiro em contaminar o público com sua fusão de melodia italiana e rock”

 (L’Italo-Americano Newspaper)

Peppino di Capri, nascido Giuseppe Faiella, é uma autêntica estrela da música italiana. Começou a ter destaque nos anos 60 com interpretações de clássicos napolitanos em versões modernas, como “I Te Vurria Vasa”, “Voce e Notte” e “Luna Caprese”, além dos sucessos “Roberta” e “Champagne”, clássicos até hoje. Os fãs brasileiros terão a oportunidade de assisti-lo nos dias 23, 24 e 25 de outubro em Porto Alegre, no Rio de Janeiro e em São Paulo, respectivamente.

Poucos artistas conseguiram conciliar a tradição  da música napolitana com a modernidade do rock´n´roll e do twist (os inesquecíveis tempos de St Tropez,na França  símbolo de uma época, eternizados pelo hit “Let’s Twist Again”, de Chubby Checker) e ainda ter suas músicas cantadas e aplaudidas em todo o mundo.

Peppino Di Capri foi o único intérprete italiano a  subir no mesmo palco que os Beatles, por ocasião de três concertos lendários qure o grupo realizou  em Milão, Gênova e Roma (1968). A Peppino, um dos únicos representantes do rock´n´roll italiano, cabia, na época, a honra de abrir os concertos dos quatro rapazes de Liverpool (John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr).

O verdadeiro sucesso veio com sua participação no Festival di Sanremo (esteve presente em nove edições). Em 1973 venceu com “Un grande amore e niente più”, em 1976 venceu o festival com a canção “Non lo faccio più”. Ainda nos anos subsequentes,  em Sanremo, consagrou-se com canções como “E mo e mo”  (1985), ), “Il sognatore” (1987), “Evviva Maria” (1990) e “Favola Blues” (1991). Ainda no ano de 1991, representou a música italiana no Festival EuroFestioval, interpretando”Comme è doce ‘o mare”.

Em janeiro de 1996 viajou em turnê com Fred Bongusto por toda a Itália,  Dessa tour  saiu um  álbum ao vivo com a dupla. No ano seguinte uma grande ideia: o revival no lendário CD 45 rpm, o o assim chamado ” single”.

São 56 anos de carreira, de sucesso e de tradição da música italiana. Atualmente, Peppino Di Capri, faz diversas apresentações pelo mundo interpretando seu repertório dos anos 60 e 70.

Serviço:
• Peppino Di Capri
Gênero: Música Italiana
Censura: 14 anos
Ingressos: R$ 160,00 a R$ 600,00
Local: HSBC Brasil (Rua Bragança Paulista, 1.281, Chácara Santo Antonio)
Quando: 25/10 (22h)

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *