Prettos abrem o Circuito SP de Cultura com show gratuito no centro

prettos

A dupla, formada pelos irmãos Magnu Sousá e Maurílio de Oliveira, iniciará o evento, ao lado de Martinho da Villa e Mart’nália.

Matéria e foto: Divulgação

A cidade de São Paulo promove mais uma edição do Circuito São Paulo de Cultura, com iniciativa da Secretaria Municipal de Cultura, a abertura será no dia 21 de fevereiro, às 16h, no Vale do Anhangabaú (centro de São Paulo) com os Prettos.  Serão atrações dos mais variados tipos, incluindo shows, teatro, dança e circo, tudo com entrada gratuita.

Os irmãos Magnu Sousá e Maurilio de Oliveira, fundadores do Quinteto em Branco e Preto e da Comunidade Samba da Vela – movimento de grande expressão na cena do samba nacional –apresentarão o espetáculo “Pelo Telefone: Na Linha do Tempo do Samba”. Em cena, uma viagem pela história do gênero, do momento de sua concepção aos dias atuais. O projeto visa a celebrar os 100 anos de samba, visitando a obra de grandes bambas como: Assis Valente, Geraldo Filme, Adoniran Barbosa, Zé Keti, Ataulfo Alves, Silas de Oliveira, Benito di Paula, Ary Barroso, Geraldo Pereira, Candeia, Noel Rosa, Anescarzinho do Salgueiro, Paulinho da Viola, Cartola, Venâncio, Donga, “…e muitos outros mais”

Com a dupla, também farão participação especial a Bateria Furiosa da escola de samba Camisa Verde e Branco e, logo depois, às 18hs, Martinho da Vila e Mart’nália encerram a noite.

O Circuito São Paulo de Cultura vem se juntar às demais ações da Secretaria Municipal de Cultura na área de eventos e fomento às artes. Seu principal objetivo é promover a circulação da produção artística pelas diversas regiões da cidade.

Serviço:
Prettos
Participação especial: Bateria Furiosa – Escola de Samba Camisa Verde e Branco
Quando: 21/02 (16h)
Local: Vale do Anhangabaú
Ingressos: Gratuito
Classificação: Livre

Sobre Prettos

Prettos é um projeto especial da dupla formada pelos irmãos Magnu Sousá e Maurilio de Oliveira, integrantes do Quinteto em Branco e Preto, um dos grupos mais importantes da música brasileira. São também os responsáveis e fundadores da Comunidade Samba da Vela, movimento de grande expressão na cena do samba brasileiro e referência em cultura e entretenimento.

Magnu e Maurilio, ao longo de sua carreira, já colecionaram inúmeras parcerias em projetos que vão desde o tradicional samba de raiz, pagode, gafieira, orquestras sinfônicas, samba com rap, samba com rock e samba com pop.

Possuem mais de 100 composições gravadas por diversos artistas como Maria Rita (em seu mais recente CD “Coração a Batucar”), Alcione, Jair Rodrigues, Beth Carvalho, Nei Lopes, Fabiana Cozza, quatro CD’s com o Quinteto em Branco e Preto e inúmeras outras participações.

Já dividiram o palco com grandes nomes da MPB: Maria Rita, Emicida, Zeca Pagodinho, Martinho da Vila, Paulinho da Viola, Paulo Miklos, Lucinha Lins, Noite Ilustrada, Célia, Nei Lopes, João Nogueira, Demônios da Garoa, Jorge Aragão, Gilberto Gil, Arlindo Cruz, Germano Mathias, Leci Brandão, Jamelão, Dudu Nobre, Xande de Pilares, Ivete Sangalo, Jair Rodrigues, Danilo Caymmi, Nelson Sargento, Rappin Hood, Paulinho Moska, Zélia Duncan, Paulo César Pinheiro e Beth Carvalho.

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *