São Paulo recebe espetáculo com a melhor experiência Beatles do Brasil

beatles-abbey-road-the-ultimate-tribute

Beatles Abbey Road – The Ultimate Tribute se apresenta no Teatro Bradesco, dia 16 de julho

Matéria e foto: Divulgação

O palco do Teatro Bradesco, em São Paulo, receberá a Beatles Abbey Road, no dia 16 de julho, às 21h. A banda traz ao presente o que alguns só puderam presenciar no passado: um show dos Beatles! Muito mais do que um cover, a banda faz uma viagem no tempo, proporcionando aos fãs uma verdadeira experiência. Cada apresentação é a oportunidade de assistir a John, Paul, Ringo e George, tocando sucessos que marcaram a história da música e do mundo.

Mais de dois milhões de pessoas já prestigiaram o espetáculo e o sucesso é justificado pelo comportamento fiel que mantém a história dos garotos de Liverpool viva nos palcos. O projeto nasceu e corre pelas casas de show do País e do mundo desde a década de 1980. A formação atual já tem cinco anos e conta com Carlos Picchi (Ringo Starr); Maury D’Ambrosio (George Harrison); Ricardo Junior (Paul McCartney); Luis Fernando Gomes (John Lennon).

“Não é cover, é BEATLES!” George Martin, produtor dos Beatles

Eles são os únicos, no Brasil, a possuir uma coleção autêntica de instrumentos e figurinos. Entre guitarras, baixos e baterias, são 20 instrumentos originais, verdadeiras raridades. Tudo é pensado com o máximo cuidado e fidelidade aos originais. A cronologia, por exemplo, em que cada música do show é executada com a roupa, penteado, acessório e instrumento correspondente. Nenhum detalhe passa em branco, até mesmo as botinhas dos integrantes foram confeccionadas pelo mesmo artesão dos Beatles, Mr. Green.

De acordo com Maury D’Ambrosio (George Harrison), integrante da banda desde sua primeira formação, o cuidado com os detalhes são pensados em todos os níveis. “A intenção é mostrar com exatidão como eles eram, os trejeitos, os cumprimentos, o comportamento, os objetos, tudo. Inclusive o relógio que eu uso foi comprado num leilão e pertenceu ao Harrison”, conta. No palco, a banda mantém a pose e só fala em inglês com o público. “É só uma questão de manter a magia, queremos levar o público o mais próximo dos Beatles que conseguimos”, conta Carlos Picchi (Ringo Starr).

Os clássicos são executados por um acervo que possui 13 guitarras, entre Gretsch, Rickenbacker, Epiphone, Fender e Gibson. As seções acústicas ganham o charme de três violões: um Martin, um Gibson e outro Epiphone. Os contra-baixos são originais e idênticos aos Hofner, Fender e Rickenbacker usados por Paul, John e George. A energia da bateria de Ringo Star fica por conta de duas Ludwig, uma Black Oyster (ano 1965 idêntica a que Ringo usava e única que se tem notícia no Brasil) e uma Hollywood Natural. O toque final vem dos amplificadores ingleses da marca VOX

Destaque na Beatle Week

Apesar de não ser um concurso, foi no encontro anual que reúne milhares de fãs do quarteto que a banda foi considerada a melhor banda Beatles do mundo. O grupo foi especialmente convidado pela organização para a missão de abrir oficialmente o festival para a imprensa, dentro dos estúdios EMI – Abbey Road. O local é conhecido por ter ambientado as gravações de boa parte da discografia dos Beatles.

O privilégio não parou por aí: A Beatles Abbey Road registrou o show em um CD ao vivo, no próprio estúdio, utilizando a mesma aparelhagem do quarteto original. A agenda em solo londrino também incluiu um roteiro de 11 apresentações, incluindo: Adelphi Hotel, sede da convenção;  Quarry Bank, ex-colégio de John Lennon;  Chevasse Park, praça onde está o Yellow Submarine; Royal Court Theater, maior teatro de Liverpool ; e, é claro, o lendário Cavern Club, onde os Fab Four subiram ao palco mais de 200 vezes.

Na famosa Victoria Street, mais de 100 mil pessoas pararam o trânsito para assistir ao último show do quarteto paulista que conquistou o coração dos ingleses e o respeito das outras bandas participantes da festa.

Abbey Road Studios Brasil

O amor, tradição e respeito pela banda ultrapassou os limites do palco. Maury D’Ambrosio abraçou a missão de recriar um estúdio exatamente igual ao dos Beatles, e foi assim que nasceu a casa de estudo e ensaios Abbey Road Studios Brasil. Em menor escala, o local reproduz o design externo, revestimentos e detalhes internos.  O equipamento original de época também compõe o ambiente, com raridades como guitarras, pianos, amplificadores e monitores VOX.

Serviço:
Beatles Abbey Road – The Ultimate Tribute
Quando: 16/07 (21h)
Local: Teatro Bradesco (Rua Palestra Itália, 500, Perdizes – 3º piso do Bourbon Shopping)
Ingressos: de R$ 60,00 a R$ 160,00
Duração: 120 minutos
Classificação: Livre
Estacionamento:
– Self (primeiras duas horas): R$ 9,00
– Hora adicional: R$ 2,00
– Valet (primeira hora): R$ 14,00
– Hora adicional: R$ 10,00
– Motos (primeiras duas horas): R$ 9,00
– Hora adicional: R$ 2,00

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *