SP-ARTE/2017 REUNE O MELHOR DO TOP 20 MUNDIAL DAS ARTES

Paulo Kuczynski Escritório de Arte

Matéria: colunista Silvana Franco / material de divulgação SP-ARTE

Considerada uma das dez cidades mais importantes do mundo quando o tema é arte, São Paulo inaugura hoje sua 13ª edição do Festival Internacional de Artes, reunindo mais de 120 galerias de arte moderna e contemporânea do Brasil e do mundo.

Segundo relatório da publicação americana The Art Newspaper,  a exposição SP-ARTE foi a que mais cresceu em participação de galerias do top 20 mundial nos últimos cinco anos  e traz, entre suas galerias estrangeiras, David Zwirner, Marian Goodman e  Alexander Gray, por exemplo, todas de Nova York.

David Zwirner

De Londres, participarão, entre outras, as galerias Lisson, Stephen Friedman e White Cube. Da Itália vêm as galerias Franco Noero, Continua e Cardi. Uma das cidades mais vibrantes da cena contemporânea, Berlim estará representada por galerias como neugerriemschneider e Gregor Podnar. Da América Latina, nomes como Collage Habana (Havana), El Museo (Bogotá), kurimanzutto (Cidade do México) e Sur (Montevidéu).

Neugerriemschneider

No campo nacional destacam-se galerias como Almeida e Dale, Bergamin & Gomide, Casa Triângulo, Dan, Fortes D’Aloia & Gabriel, Gustavo Rebello, Luciana Brito, Luisa Strina, Mendes Wood DM, Millan, Paulo Kuczynski, Pinakotheke e Vermelho.

Novas galerias

Japan House

 

Japan House

Japan HouseA 13ª edição do evento estará marcada também pela estreia de 20 galerias do Brasil e do exterior. Entre elas, as galerias Taka Ishii, do Japão, e a londrina White Rainbow são especializadas em arte japonesa e darão destaque em seus estandes à fotografia do país. A galeria KOW, forte na atual cena de Berlim, estreia na SPArte.

Cheim & Read

Também participará pela primeira vez a galeria Cheim&Read, de Nova York, que trará três artistas mulheres centrais na arte da metade do século XX: Louise Bourgeois, Lynda Benglis e Joan Mitchell.

Ainda, destaque para estreias italianas: Studio d’Arte Campaiola, de Roma, especializada em arte moderna e contemporânea; a P420, de Bolonha, e a Paci Contemporary, de Brescia. De Portugal saem três novas galerias: a Francisco Fino e a Madragoa, de Lisboa, e a Kubikgallery, do Porto, além de retornarem Baginski e Filomena Soares.

Repertório

Sempre pontuando novidades, a SP-Arte apresenta em 2017 um novo setor curado, intitulado Repertório.

Sob curadoria de Jacopo Crivelli Visconti, foi criado com o intuito de apresentar artistas brasileiros e internacionais fundamentais para a compreensão das práticas artísticas contemporâneas, com nomes ainda não devidamente reconhecidos pelo público.

A seleção respeita um recorte cronológico – os artistas escolhidos nasceram antes dos anos 1950, e as obras apresentadas foram produzidas até o final da década de 1980.

Entre os artistas estão Pino Pascali, ligado à Arte Povera; Richard Long, um dos mais importantes artistas

ingleses da segunda metade do século XX; e Lothar Baumgarten, artista alemão com uma obra profundamente influenciada pela paisagem, história e cultura amazônica brasileira. Do Brasil, os destaques são o fotográfo baiano Mario Cravo Neto, falecido em 2009, Rubem Valentim e Guilherme Vaz, carioca e um dos pioneiros da arte conceitual e sonora.

Kubikgallery

Solo

Em sua quarta edição, o Solo – setor curado por Luiza Teixeira de Freitas, voltado a individuais de artistas contemporâneos – recebe galerias do Brasil e do mundo, algumas pela primeira vez na SP-Arte, como Francisco Fino, de Lisboa; as galerias Lamb Arts, de Londres e espaivisor, de Valência. Dentre as nacionais há BFA (Boatos Fine Artes), Central e Superfície, de São Paulo, e Portas Vila Seca, do Rio de Janeiro.

Serviço:
SP-ARTE/2017
Quando: de 06 a 08 de abril (das 13h às 21h) e 09 de abril (das 11h às 19h)
Local: Pavilhão da Bienal (Parque Ibirapuera, Portão 3)
Ingressos: R$ 45,00 (geral) e R$ 20,00 (meia promocional*)
*estudantes, portadores de deficiência e idosos com mais de 60 anos [necessária a apresentação de documento]. O Vale-Cultura poderá ser utilizado para o abatimento de 50% do valor do ingresso. Crianças de até 10 anos não pagam entrada. A bilheteria encerra suas atividades 30 minutos antes do término do evento.

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *